Gestão Financeira

Mitos sobre crédito para pequenas empresas

Há muita informação sobre crédito para pequenas empresas, o problema é que nem tudo é verdade. Por isso, na hora de buscar crédito para a sua empresa é necessário muito cuidado e atenção — A seguir, confira 4 mitos relacionados ao tema e saiba como se prevenir.

1. A aprovação é lenta

Se você precisa dar sequência ao seu negócio ou precisa de dinheiro para cobrir despesas inesperadas, é comum buscar crédito para a sua pequena empresa — E quanto tempo demora?

Embora muitos digam que pode demorar meses, a informação é desatualizada, já que existem meios de obter crédito de modo rápido e fácil, até mesmo com solicitações online.

2. Novas empresas não estão aptas a receber

O dilema de crédito para pequenas empresas é uma tarefa complicada. Especialmente se você está começando — Será que é verdade? Muitos especialistas recomendam que se procure venture capitalists ou investidores anjo, nesses casos.

Mas, essas não são as únicas alternativas. Existem muitas instituições financeiras que oferecem boas condições para empresas iniciantes, mesmo que elas tenham pouco ou nenhum histórico de crédito para se qualificar. Talvez as condições não sejam as ideais, mas saiba que é possível encontrar boas alternativas.

3. As instituições só se preocupam com sua pontuação de crédito

Trata-se de outro mito relacionado com a percepção que as pessoas têm dos modelos e políticas desatualizadas da concessão de crédito para pequenas empresas. Em função da grande procura por esse tipo de financiamento, as instituições bancárias passaram a considerar mais pontos além da pontuação de crédito — Hoje, levam em conta questões mais amplas como, por exemplo, o histórico da empresa, receitas de fluxo de caixa, o que torna o processo menos burocrático.

4. A aprovação depende de algoritmos

Muitos dizem que a automatização dos processos nas instituições financeiras tornaram tudo mais impessoal — Mas, esse cenário não é completamente verdadeiro.

Claro que aspectos objetivos são considerados, mas o lado subjetivo também é levado em conta, e até plano de negócios e estratégias de marketing ajudam a conseguir o crédito desejado.

Contabilidade sem Fronteiras

Sobre o autor

Empreendedor Magnético

Deixe um comentário